CONQUISTE UM ABDÔMEN SARADO COM EXERCÍCIOS TURBINADOS

 

Muita gente deseja ter aquele abdômen trincado, zero gordura, chegando, às vezes, até a deixar os ossos do quadril e das costelas aparentes. Porém a febre do mundo fitness exige dedicação e exercícios específicos.

Para alcançar esta meta, não basta cuidar apenas da alimentação (e nem adianta deixar a meta aberta!). É preciso muitas repetições abdominais, alto gasto energético e exercícios localizados nos músculos dessa região.

E para lhe ajudar neste objetivo, o test trainer da Proaction Sports, Cesar Ribeiro, ensina um treino com a roda dupla, equipamento que provavelmente você já viu na academia, mas não sabia para que servia. Além de proporcionar força, resistência muscular e auxiliar na estabilização do abdômen e lombar, a roda dupla ainda permite variar os exercícios de flexão, costas e braços. Veja o minicircuito com a sequência de exercícios:

Prancha

G150-10-1024x678-350x150

De bruços e com as pontas dos pés apoiadas no chão, estenda os braços na roda dupla. O acessório deverá estar em posição vertical.  É importante manter o abdômen e quadril encaixados. O corpo tem que ficar ereto e o abdômen deve ser contraído.


Elevação de tronco

2

De bruços e com os joelhos apoiados no chão, apoie os braços sobre a roda dupla e eleve o tronco. Mantenha o abdômen contraído e a lombar encaixada.

Flexão de solo

3

De bruços e com os pés apoiados no chão, realize o movimento “tradicional” de flexão.   Com as mãos sobre a roda dupla e um pouco mais afastada do que a linha do ombro, estenda os cotovelos e desça até uma flexão que fique entre 90º a 120 º, retornando a posição inicial.  Manter o abdômen contraído e a lombar encaixada

Lombar

4

 

De bruços e com os joelhos apoiados no chão, apoie as mãos sobre a roda dupla e deslize o acessório em um movimento de frente e trás. Sempre contraindo o abdômen e mantendo o quadril e lombar encaixado.

 

Os exercícios devem ser feitos de 2 a 3 vezes por semana, aproximadamente de 2 a 3 séries de 15 a 20 repetições.

 

 

No Comments Yet.

Leave a comment